01out a 15nov

Exposição | RESGATE/PROCURA

Faro | Teatro Municipal

de terça a sábado das 13h às 19h30,

excepto dias feriados nos dias de espetáculo, até ao seu início

entrada livre

30mai

CANCELADO

Mapeamento e resgate

CULATRA*

horário 11h00 às 16h00

classificação etária m/12

duração 5 horas

preço 15€ (inclui almoço

bilhetes online: www.ticketline.pt

Vasco Célio, Angola 1975, é um fotógrafo português que reside no Algarve.

Desenvolve uma permanente reflexão centrada num olhar documental sobre Portugal a partir da qual tem exposto e publicado trabalhos a título pessoal ou em conjunto com instituições, curadores, investigadores e outros.

resgate/procura

Vasco Célio Portugal

Esta exposição de fotografia de grande formato, apresentada no foyer do Teatro Municipal de Faro, é um complemento e constitui uma outra forma de apresentar o projeto desenvolvido e apresentado in loco na Ilha da Culatra, o qual cruza património (material/imaterial) e investigação de ponta mundialmente reconhecida, realizada por equipas de investigadores da Universidade do Algarve que se debruçam sobre questões urgentes relativas à salvaguarda daquela Ilha. Acreditamos que deste modo facilitamos o acesso desta informação a um maior número de interessados, contribuindo para consciencializar e sensibilizar a comunidade para a necessidade de todos intervirmos no presente de modo a resgatar o planeta e a condicionar positivamente o Futuro.

mapeamento e resgate

CULATRA

CANCELADO

Esta é uma exposição de fotografia na Culatra, um percurso pedestre com fotografias justificadas pelo fotógrafo e contextualizadas por investigadores, com uma pausa para o almoço.

 

Cada ocupante deste planeta é um poluidor, mais ou menos descontrolado, que poderá desempenhar um papel decisivo no seu resgate. Este potencial tende a ser exercido de diferentes maneiras e intensidades, o que, em muitos casos, depende das profissões que exercemos, mas também do modo como as nossas vidas são afetadas pela poluição e pelas alterações climáticas. Pensando no mar e, especificamente, na Ria Formosa, um território sensível e muito pouco protegido, o nosso desafio passou por propor ao fotógrafo Vasco Célio o resgate de algumas imagens do seu projeto “Ihas 2000” e, a partir daquele material, produzir fotografias complementares que testemunhem o trabalho de investigadores que se debruçam sobre questões urgentes relativas à salvaguarda da ilha. Através da realização de uma exposição de fotografia de grande formato, e de um percurso na ilha, disponibilizamos tanto aos habitantes como aos visitantes imagens e informações que nos podem tornar mais ativos, mais conscientes, mas também mais cúmplices no combate às alterações a que está sujeito aquele habitat.

*Os participantes poderão escolher fazer a visita pelos seus próprios meios ou juntar-se a um grupo que se deslocará de barco com saída de Olhão às 10h30.

CAPa centro de artes performativas do algarve

rua Frei Lourenço de Santa Maria nº 4 e 6

8000-352 Faro | Portugal

telefone/fax: (+351) 289 828 784

direcção artística – José Laginha (+351) 91 8703414
dir. de produção – Ana Rodrigues (+351) 91 8703415

produção -  Sandrine Crisostomo (+351) 961 173 034

  • Facebook
  • Instagram